APÓS MUITA ESPERA, ANGÚSTIA E EXPECTATIVA, GOVERNO DE SERGIPE INAUGURA NOVA UNIDADE DE RADIOTERAPIA

05/04/2018

 

O Governo de Sergipe inaugurou na manhã desta quinta-feira, dia 5 de abril, a nova unidade de radioterapia do Hospital de Urgências de Sergipe – Huse. Agora, o hospital geral passa a operar com dois aceleradores lineares. A perspectiva é duplicar o número de atendimentos – aumentando a capacidade de 70 para 140 sessões de radioterapia por dia -, eliminar de vez a fila de espera composta atualmente por 275 pacientes e diminuir o tempo do tratamento.

De acordo com as informações da Secretaria da Comunicação do Governo de Sergipe, instalações mecânicas, elétricas e eletrônicas precisaram ser feitas logo após a finalização do Bunker – que é a construção da obra física onde se instala o acelerador linear -, o que justificou a demora em inaugurar a nova unidade de radioterapia. No entanto, o novo acelerador linear começou a ser operado em fase de teste em dezembro último.

Segundo o governador de Sergipe, Jackson Barreto, apesar das dificuldades, muitos avanços foram conquistados na área da oncologia do estado. “Nenhuma obra toca mais o meu coração e a minha consciência que a nova unidade de radioterapia do Huse. Deixo, então, o governo agradecido a Deus pela realização da obra”, discursou o governador de Sergipe Jackson Barreto, antecipando a nova aquisição de duas carretas para prevenção do câncer na mulher e no homem e diagnósticos precoces dos cânceres de mama e de próstata.

Para o jornalista e assessor de comunicação da Associação dos Amigos da Oncologia – AMO Jeimy Remir, o funcionamento de um novo acelerador linear em Sergipe traz a resposta que a sociedade tanto queria. “Foram anos de espera, de muita angústia e de grande expectativa com o serviço público de radioterapia. Muitos pacientes tiveram não só seu tratamento interrompido como também o acesso demorado e indigno. Demos um grande passo, mas ainda temos muito a avançar”, acredita ao reforçar os quase três meses sem quimioterapia e sem radioterapia no Hospital de Cirurgia.

RECURSOS DA SAÚDE
A inauguração da nova unidade de radioterapia integra o Plano de Expansão do Ministério da Saúde por meio do Sistema Único de Saúde – SUS. Tanto o acelerador linear como o Bunker só foram possíveis com os recursos advindos do Ministério da Saúde. O bunker foi concluído no final do ano passado e custou R$ 2.129.997,03. E o acelerador linear tem no Huse a sua guarda e manutenção garantidas.

O novo aparelho da radioterapia é um acelerador linear CX da Varian, com duas energias de fótons (para tumores mais profundos) e cinco energias de elétrons (para tumores mais superficiais). O primeiro aparelho de radioterapia do Huse funciona há 17 anos. Agora, Sergipe passa a ter três máquinas de radioterapia para atender a demanda dos pacientes oncológicos usuários do SUS. Duas delas são 3D e estão no Huse e uma do tipo 2D no Hospital de Cirurgia, que está quebrada há mais de 80 dias.

PRESENÇAS
Prestigiaram a inauguração da nova unidade de radioterapia do Huse o governador do estado Jackson Barreto; o vice-governador Belivaldo Chagas; o secretário da saúde Almeida; o superintendente do Huse Luís Eduardo Prado; o diretor-presidente do Hospital de Cirurgia Milton Santana; gestores públicos estaduais; lideranças políticas e sociais; representantes de associações de pacientes e pacientes.

*Com informações do Governo de Sergipe/ Secom

Skip to content